pule este post se estiver de saco cheio da minha monografia, beijos.

Fazia tempo que eu não tinha um domingo tão tranquilo. Namorado viajou pra um congresso e me deixou sozinha com a mono em casa. Incrivelmente, tive uma conversa iluminada com meu orientador na segunda-feira e a mono tomou activia e destravou (ok, eu sei, activia is so last week, mas eu não podia perder a piada), e descobri um método infalível pra me concentrar, que consiste simplesmente em ler no ônibus, onde não tem nada que me distraia, tipo twitter, google reader, televisão e todas essas coisas diabólicas que deveriam sumir da face da terra. Enfim, tou na fase de ler o texto exaustivamente e ir completando com as coisas que faltam – tou otimista, mas é muita coisa -, e mandei a fonte que tou desenhando pra alguns designers amigos, e recebi um feedback ótimo, uma injeção de ânimo nessa reta final.

Enfim, tou cansada e mal-humorada na maior parte do tempo, e ainda tenho mini-surtos de achar que não vou dar conta de tudo, e não é só a mono, tem altas coisas tensas rolando no trabalho, freela, broncas chatíssimas de aluguel de apartamento na terra do acarajé, fora a preocupação diária de “com que roupa eu vou”.

Em meio a tudo isso, estou descobrindo músicas novas deliciosas (Daqui pro Futuro, disco mais calminho/fofinho de Pato Fu, tocou em loop hoje, já disse que acho Fernanda Takai incrível e adoro a voz dela? <3), achando o Mac meu melhor amigo (eu não terminaria o tcc sem ele, fato) e ainda arrumo 20 minutinhos pra cochilar depois do almoço, que cochilos são essenciais, né? Às vezes fico imaginando que vai ficar um vazio depois de terminar a mono, que de um jeito ou de outro, não tá sendo extremamente doloroso como quiseram me fazer acreditar. A bibliografia é uma delícia de ler, o trabalho tá bacana, não tou tendo dúvidas hora nenhuma de que era realmente isso que eu devia estar fazendo, e tenho certeza que no final vou morrer de orgulho de ver um trabalho de quase 1 ano, feito com muito carinho, terminado. Mas pelo que tou vendo, tenho muita coisa pra me ocupar quando terminar. Apesar de achar que merecia umas férias bem gostosas num lugar friozinho. Eu sempre quero um lugar friozinho pra passar as férias. Aaaaah, férias.

(soundtrack: Pato Fu – A Verdade Sobre o Tempo)

Anúncios

Uma resposta em “pule este post se estiver de saco cheio da minha monografia, beijos.

  1. 1) qnd a mono fica pronta a pessoa tem uma sensação de alívio/alegria incrível. é a sensação de dizer “conseguiiiiiii”, sabe?

    2) tbm sempre quero passar férias num lugar friozinho. aliás eu queria mesmo era MORAR num lugar frio.

    beijo, béibe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s