amor.

É incrível a sensação feliz que dá quando alguém diz “tou aqui pra o que você precisar, sempre que você precisar, pode contar comigo”, e a pessoa realmente está lá sempre que você precisa.

Namorado tem sido o melhor namorado do universo nesses dias de stress no trabalho, TPM, crise de nunca-vou-terminar-a-monografia e dramas em geral (juro que tem horas que eu não sei como ele aguenta). Agora há pouco, estávamos os dois aqui em casa, e ele viu que tinha zero comida em casa e saiu pra comprar pão pra mim, pra eu ter o que comer no café da manhã, porque um copo de iogurte  era muito pouco. E isso não foi nada perto de todo o apoio que ele tem me dado ultimamente.

Amor. Puro. Desses que dá pra sentir em todo lugar, em tudo. Vou dormir feliz hoje.

(soundtrack: Au Revoir Simone – Shadows)

Anúncios

2 respostas em “amor.

  1. Parece até que eu não tenho o que fazer (e tenho) pra lendo esses posts dessa menina! Brincadeira. Eu entrei no blog, conforme o comentário que deixei, porque tava fuçando o que pudesse para poder falar mal, mas bem falado, do escroque do Augusto Cury. Mas lendo os posts só posso pensar uma coisa: você é gente do bem demais, garota. Continue assim, não permita que “as forças do mal” te contaminem. O mundo precisa de gente assim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s