fim de período (ou um dia no laboratório de design)

Line chega cedo, e consegue pegar um pc com internet. Após zapear um pouquinho no orkut e na página do consulado alemão, começa a trabalhar no cartaz da peça que tem que fazer até amanhã.

Yasmin se atrasa só 3 horas.

Perto de meio dia, o laboratório enche de gente ocupada. Tanta gente que o ar-condicionado não dá conta, na sala que normalmente tem um clima glacial. Celso e Mazulo têm um trabalho de Serigrafia pra terminar, e Line dá pitaco. Line adoooora dar pitaco no trabalho dos outros, porque assim pelo menos parece que o mundo fica um pouquinho mais do jeito dela. Além disso, o projeto dos meninos está mesmo muito bom. Line também tem o tal trabalho de serigrafia, e acha que é talvez a melhor coisa que ela já fez na faculdade, mas fica imaginando como vai fazer pra colocar 9 peças gráficas em 3 telas serigráficas.

Line pede opinião pra todo mundo que chega. Todo mundo gosta mais do vermelho-cereja do que do vermelho-sangue, e a voz do povo é a voz de Deus. Lá pras 3 da tarde, Line não almoçou ainda. Mazulo e Giuglia trouxeram um container de bolo de festa pra almoçar, e ele fica pirraçando Line, que não comeu ainda. Ela nem presta atenção, na verdade. Mas Giuglia é boazinha, e dá um pedaço a Line. Tava bom.Line grita com Yasmin, com Mazulo e com Gabriella, e pra as outras pessoas não dá mais que um risinho sarcástico. Mateus e Celso brigam feio por causa do trabalho de Embalagem. Um acha que o outro não está fazendo a sua parte. Sinceramente, se fosse comigo, eu estaria agradecida. Tenho uma natureza muito centralizadora de poder, e prefiro tomar conta do trabalho todo, pra garantir que vai sair direito.

Sérgio pergunta uns 3 milhões de vezes cadê Felipe. Line tem vontade de dar uma resposta beeeeem criativa, mas sua criatividade já foi toda pro cartaz da peça.Mateus e Arthur, que são do 5o período, estão combinando uma festa, pra ganhar dinheiro pra a formatura (na verdade o dinheiro da formatura é só uma desculpa. o que eles querem mesmo – e todo mundo quer – é encher a cara). Arthur tenta vender camisetas pra todo mundo na sala, sendo que pelo menos metade das pessoas ali paga serigrafia. Mas a estampa estava mesmo muito boa.

Gafa pergunta alguma coisa a Line, sobre algum comando nebuloso do 3D studio, mas ela não tem cabeça pra nada além do projeto do Grande Circo Místico. Line não sabe responder nada que ele pergunta, e por uns segundos só deseja que ele pare de pentelhar enquanto ela está muitíssimo ocupada, mas depois fica com pena e pede desculpa.

Celso e Mateus perguntam a Line se ela tomaria a bebida para a qual ele criou o rótulo. É, aparentemente, uma caipirinha-com-limão-ice, moderninha e meio gay. Line dá uma resposta que corta o coração dos meninos, mas eles sabem que ela só está stressada, e na verdade, a caipirinha iria bem agora. Junior interrompe Line no msn, mesmo ela estando com o sinalzinho de ocupado. O estranho é que eles não se falam há um tempo enorme, e ele resolve retomar o contato justamente hoje. Ela tenta ser sarcástica, mas pelo msn não se percebe muito, então acaba pedindo mil perdões e dizendo que não vai poder dar atenção agora, porque (adivinha!) está muito ocupada.

Line e Yasmin discutem por causa de uma capa de cd, se deve ser feita ou não, e se fita de cetim também conta como tecido na hora de imprimir. Sérgio manda (não sei a troco de quê) Line ficar na dela, de uma maneira nada delicada, e Line pergunta, também de uma maneira nada delicada, se alguém chamou ele na conversa.Gabriella não tem mais nada que fazer da vida, e fica perturbando todo mundo na sala. Pelo menos ela faz Line rir, e é um ótimo saco de pancadas verbais.

Emmanuel chega dando susto em Line, fazendo cosquinha com as mãos geladas. Mas particularmente hoje, ela não está com humor pra cosquinhas, e lança apenas um gélido olhar de hoje não, peloamordedeus. Ele pára, ainda bem. Emmanuel também tem o trabalho de 3D pra terminar, e Line morre de medo que ele também comece a perguntar tudo, mas graças a Deus ele se vira sozinho.Sérgio chega todo feliz, dizendo que ele e Felipe tiraram 10 em Semiótica. Line não esboça nenhuma reação externa, mas morre de raiva de não ter se matriculado nessa cadeira, onde só era preciso fazer um redesign bobo de um pictograma. Ela imagina como vai ter que se virar em mil, se quiser no mínimo ser aprovada em Serigrafia, depois de ter feito um projeto gráfico estonteante, mas que vai dar um trabalho duuu cãaaaaao pra virar coisas de verdade.Os meninos não têm mais nada que fazer da vida (já que ficaram com 10 em Semiótica) e ficam olhando pérolas do orkut. Line até ri um pouco, mas a fadiga mental já é tanta que nem entende mais o que ninguém fala. Yasmin confunde levemente Circo Místico com Teatro Mágico, e dá um trabalho enorme encontrar a ficha técnica da peça, pra colocar no folder.

Mabel pergunta a Line uma coisa do 3D, e felizmente ela sabe responder, porque já teve que repetir o comando milhões de vezes até acertar, no próprio trabalho.

Às 18h, Line está com os nervos em frangalhos, uma sede desesperada por Coca-Cola e o trabalho de Serigrafia quase pronto. Faltam 3 semanas pro fim das aulas, e tudo indica que os dias, daqui pra frente, só tendem a piorar.

(soundtrack: The Cardigans – Lovefool)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s